Comparações entre Nações: Laranjas vs. Maçãs

Obs: O uso do idioma é uma forma de praticá-lo, ignora os erros gramaticais por favor.

Normalmente enquanto estou no exterior, ouço muitos argumentos subestimando meu país, através das várias categorias.  A verdade esses argumentos são bem-vindos porque eles iluminam luz sobre os problemas que existem nos EUA.  No entanto, também acredito que os criticos sofrem de seu próprio sesgo, não deixando a entender a diferença entre aspectos distintos [ e básicos] como o tamanho e porém o peso que tem um país no mundo.

Basta fazer comparações entre os EUA e micro-estados como Singapore ou bolsas de cidades de luxo como Dubai.  Se os EUA fosse governado baixo o pulgar de um rei, teriamos a cidade mais rica na planeta.  Felizmente, não nós concentramos tanta riqueza em puntos fixos.

Embora que nós não temos concentrações como riqueza extrema, tampouco somos uma sociedade igualitária.  É muito engraçado fizer comparações das tasas de educação, saúde, segurança, etc. entre um país continental com outras responsibildades sobresalientes com países que podem tirar proveito do estado de segurança mundial como a Dinamarca ou a Argentina.  Eles usufruem da estabilidade geralmente implementada pelos EUA, tanto que eles podem queixar sobre a predominancia do meu país.

Então não acho que é justo comparar a Argentina e França com os EUA.  Os EUA deve medir seu succeso com outros países com tamanho comparativo como o Brasil, Rúsia, China, Índia, [países continentais].  Esses países devem ter mútiples cidades e pólos de desenvolvimento, muitas industrias, e uma grande população.

Países como a Argentina, o Colômbia, a Alemanha, a França devem classificiar-se na outra categoria.  Micro-estados na sua, etc.  Eles podem ter economias bem poderosas, mas um país mediano não tem outras responsibilidades, fronteiras longes pra controlar, populações vem variadades, etc. etc. [pelo geral].

Também é bom levar em conta as diferenças institucionais entre países e outras carácteristicas como língua, afiliações com vizinhos, poder militar, capacidade técnologica, etc.

Meu argumento é simples, não faça comparações sérias entre os EUA e estados que tem pouco em comun com meu país.  Meu estado Nova Jersey é muito diferente do Mississippi e comparações sem ter a grandeza do meu país em conta, não somente são erroneas mais são simplesmente erradas.  Uma medida promedia não te diz nada.  Outros países como o Brasil deve lembrar-se disso enquanto eles estão estabelecendo políticas que apontam a corrigir de “problemas de igualidade” no país.

Image

 

Leave a comment - Deja un comentario - Deixa o seu comentário

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s